Inflação semanal avança para 0,68% em novembro, segundo FGV

Levantamento feito pela FGV mostra alta em quatro dos oito grupos de despesas avaliados



A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S)subiu para 0,68% em novembro ante 0,55% em outubro, informou nesta segunda-feira, 2, a Fundação Getulio Vargas (FGV). Na terceira quadrissemana de novembro, o IPC-S havia ficado em 0,67%. O indicador acumula alta de 4,91% no ano e de 5,59% em 12 meses.

Das oito classes de despesas analisadas, quatro registraram acréscimo em suas taxas de variação de preços na passagem da terceira para a quarta quadrissemana de novembro: Transportes (0,05% para 0,11%), Educação, Leitura e Recreação (0,38% para 0,55%), Vestuário (0,76% para 0,87%) e Despesas Diversas (0,98% para 1,22%).

Em contrapartida, registraram decréscimo em suas taxas de variação os grupos Habitação (0,85% para 0,82%), Alimentação (0,95% para 0,92%), Comunicação (0,99% para 0,91%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,50% para 0,46%).

Fonte: Zero Hora



Viegas Auditores e Consultores - www.viegasauditores.com.br | Todos os Direitos Reservados © 2017