Expectativa de inflação dos brasileiros é a maior desde 2005

Consumidores acreditam que inflação chegará a 8,9% nos próximos meses.
É a terceira vez que o indicador atinge o maior valor da história da pesquisa.
Do G1, em São Paulo
FACEBOOK
Os consumidores estão ainda mais pessimistas com a trajetória da inflação no país. De acordo com pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV), os brasileiros acreditam que a inflação vai alcançar 8,9% nos próximos 12 meses – um recorde para a série histórica do indicador, iniciada em setembro de 2005. É a terceira vez que o indicador atinge o maior valor histórico.
Em maio, pela primeira vez, a faixa de expectativa entre 8% e 9% foi a mais citada pelos consumidores entrevistado: 23,4% das assinalações. Na contramão, 7,3% dos consumidores acreditam que a inflação ficará abaixo de 6,5% nos próximos 12 meses.
“Embora a diferença do indicador de expectativa de inflação entre abril e maio [8,8%] não seja significativa, o aumento da frequência relativa de previsões acima de 8% mostra que a percepção de aceleração da inflação ainda está se disseminando entre os consumidores brasileiros”, afirma o economista Aloisio Campelo Jr., da FGV/IBRE.
A inflação oficial do país, calculada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), perdeu força e ficou em 0,71% em abril – a menor taxa entre os meses de 2015. Entre meses de abril, no entanto, o índice é o maior desde 2011, quando ficou em 0,77%.
Em 12 meses, o IPCA acumula alta de 8,13% – a maior desde dezembro de 2003, quando foi de 9,3%, e 1,63 ponto percentual acima do teto da meta do governo para este ano, de 6,5%.
 Fonte: http://g1.globo.com/



Viegas Auditores e Consultores - www.viegasauditores.com.br | Todos os Direitos Reservados © 2017