Dólar e bolsa fecham com reduzidas altas

Depois de subir quase 1,7% e chegar perto de 48,5 mil pontos, a Bolsa de São Paulo (Bovespa) encerrou com ganho de apenas 0,33% e 47.900 pontos. Apesar de discreta, a alta quebrou sequência de três jornadas com desempenho negativo.

No câmbio de câmbio, o dólar avançou apenas 0,08% no mercado à vista, encerrando a R$ 2,4270 — o mais elevado nível desde 22 de agosto de 2013, quando o Banco Central (BC) adotou novo sistema de atuação no câmbio como estratégia para conter a alta da cotação.

Os investidores atuam com cautela devido ao encontro do Federal Reserve — Fed, o banco central norte-americano —, que começou hoje e termina amanhã, quando deve anunciar um provável corte de US$ 10 bilhões no volume de R$ 75 bilhões em títulos do Tesouro adquiridos mensalmente naquele país.

Fonte: Zero Hora


Viegas Auditores e Consultores - www.viegasauditores.com.br | Todos os Direitos Reservados © 2017